Referenciar um possível Cuidador Informal

Neste espaço poderá referenciar alguém que considere ser um potencial Cuidador Informal. Para isso, basta preencher os dados que lhe são solicitados abaixo. Esta informação será posteriormente encaminhada para o Gabinete Local de Apoio ao Cuidador Informal, da zona de residência do possível cuidador, que dará prosseguimento ao processo.

A referenciação deve incluir todos os elementos necessários, nomeadamente a digitalização dos seguintes documentos:

  • Cartão de Cidadão do requerente e da(s) pessoa(s) cuidada(s), frente e verso;
  • Cartão de Contribuinte, no caso de ser fornecido o Bilhete de Identidade;
  • Comprovativo do nível de dependência da pessoa cuidada (comprovativo de beneficiário do Complemento de Dependência de 1º ou 2.º Grau, ou de subsídio por assistência de terceira pessoa ou informação clínica que identifique as necessidades de apoio da pessoa cuidada);
  • Consentimento de partilha de dados e documentação pessoal, referente ao cuidador informal (minuta)
  • Consentimento de partilha de dados e documentação pessoal, referente à pessoa cuidada (minuta)
  • Declaração sob compromisso de honra de ausência de retribuição financeira (minuta).

Agradecemos a sua colaboração.

Os seus dados
Caso seja aplicável, introduza o nome da Instituição/Serviço a que está afecto
Detalhes pessoais do possível cuidador informal
Formato: AAAA-MM-DD
Caso forneça o nº do Cartão de Cidadão, certifique-se que está completo e que respeita o formato DDDDDDDDD C AAT.
Formato: AAAA-MM-DD. Deixar em branco no caso de BIs vitalícios
Para validação da identidade
Obrigatório se o documento de identificação não for o Cartão de Cidadão
Morada e contactos do possível cuidador informal
Pelo menos um contacto telefónico é obrigatório
Pelo menos um contacto telefónico é obrigatório
Apoio Financeiro ao possível cuidador Informal
Consentimento (referente ao possível cuidador informal)
Identificação de Pessoas Cuidadas
Observações